terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Good afternoon, everybody...

     Devido aos últimos acontecimentos (wedding and more wedding) e minha "sorte" em receber convites de casamento (principalmente de um certo deselegante francês, que nesta época gosta de atolar minha casa de flores e chocolates "E EU TENHO CARA DE MULHERZINHA, BASTARDO?"), estou escondido em um bunker onde a localização dele não será citada aqui, mas que pelo menos tenho tudo o que preciso (até passar o Valentines Day, in February). Inclusive fiz um curso rápido com meu amigo Kiku Honda em como sobreviver sozinho neste bunker por estes dias. Odeio dar uma de covarde, mas é melhor não abusar da sorte e ficar perambulando por aí correndo sérios riscos (tipo, ser seqüestrado por um francês fededendo lagosta, etc).
     Brittania acha que estou louco (ultimamente só anda falando verdade, aquela borboleta de asas plumosas), mas para provar que não estou, vou postar para vcs os últimos acontecimentos de dezembro, ou seja, minha viagem para a casa do Roderich. Para começar, tive que pegar outro avião em Amsterdã para chegar em Viena. A companhia aéra, que era holandesa, era "tão boa" que conseguiu a proeza de deixar minha mala na Holanda. *facepalm
     Cheguei no local onde eu aluguei um apartamento para ficar e tive que conversar com a dona (ver se liberava internet - item raro aqui - ou como funcionava o chuveiro - ok, não demoro dias para tomar banho que nem o Francis, já que estou adotando a política brasileira de banhos). Sério, ela assustava muito. Não queria que sujasse nada, era para tirar o calçado antes de entrar, não respirar perto da janela, blábláblá. Parecia a mãe do Roderich (acho que fico feliz em não conhecê-la) ou a versão feminina mais feia do Ludwig (sua mania de limpeza fez a relação, sorry). Ainda bem que no dia seguinte, minha mala chegou, então não fiquei sem roupa...
     Tinha que acertar algumas coisas com Roderich antes de seguir viagem, então, aproveitei para passar no Palácio de Schönbrunn. Lembranças de muitas épocas, para todos, guardados naquele castelo. Como fui no inverno, o jardim atrás do palácio não estava exuberantemente bonito, mas com a neve dava um ar de mágico. Depois, lógico, fui até o hotel Sacher, comer o famoso Sachertorte. Muito gostoso, por sinal.


     À noite, fui ao famoso mercado natalino em frente à prefeitura de Viena. Estava bem enfeitado para o natal. Dizem que raramente neva em Viena, mas eu acho que tive sorte. Infelizmente, não pude ficar muito, no dia seguinte eu iria para meu destino de férias (finalmente e merecidas): Lienz, que ficarão para eu contar na próxima semana...
     Não pude ir ao casamento de Fin e Swe. Como vcs sabem, minha mala ainda não chegou da Holanda (DE NOVOOOO!!!) e tinha minhas roupas de casamento lá (é, tive que participar de um casamento tipicamente austríaco) e não estava a fim de gastar (terno custa muito *modo Basch on). Então, minhas sinceras desculpas aos noivos. Como fui bem antecipado (dei os presentes aos noivos neste post aqui: http://hetaliagodsavethequeenuk.blogspot.com/2010/11/giving-gifts.html), só entregarei agora duas lembrancinhas para não passar em branco (e já que não pude comparecer).


     Um forno multiuso para facilitar a vida de vcs e...







     Quando vcs quiserem celebrar alguma coisa...
     Finalizando, na minha mala de mão encontrei o meu presente de Natal pro Ivan. Espero que ele goste (e não me mate). Achei a cara dele (menos a Belarus que vai achar...). Os presentes de Natal, conforme eu for encontrando, vou entregando (infelizmente, atrazado, mas fazer o quê - culpa de uma certa companhia holandesa de aviação).







     E ainda encontrei mais besterol em um site americano (tinha que ser, não é). Será que é assim que o Alfred decora o mapa do próprio país?


     Por enquanto é só, que acho que a pizza que pedi já chegou (alguém batendo na porta do bunker, se é possível). Espero REALMENTE que seja a pizza que pedi.

See you soon, guys!

[Off: Desculpem pelo post, que não foi muito bom, eu acho. Mas tinha que achar algum motivo pro Iggy postar suas fotos de férias. Não tem fotos próprias minhas tiradas da Austria porque o blogger é um chato e ficou demorando uma eternidade para carregar. Se faltou alguns blogs para eu comentar, desculpem-me, fiquei uns dias fora e não deu para ficar por dentro do que estava rolando. Espero participar mais daqui pra frente.]

7 comentários:

  1. [Euri do "You Can See Russia" no mapa q]
    Espero que aproveite sua estadia aqui, Arthur. Com o tempo se acostumará com nosso modo de vida... Há várias coisas aqui que fazem esse esforco valer a pena. [/NemSeAcha]

    ResponderExcluir
  2. hahaha, Gostei da camiseta, tratarei de usá-la perto da Belarus, aha~ * aqueles *


    [ Off: Euri do "You Can See Russia" no mapa q [2] Na Rússia Sovie´tica, a Rússia que pode ver VOCÊ!! 8DD tema, america. Q *também riu do "não poder respirar perto de janelas" e da camiseta*]

    ResponderExcluir
  3. [off: "You can se Russia" foi o único que entendi... *facepalm*]

    ResponderExcluir
  4. Excluindo o problema com as malas, Arthur-san parece ter se divertido bastante na Austria.

    [off: *riu do mapa*]

    ResponderExcluir
  5. Boa sorte para conseguir as malas de voolta ^^
    [não sei o que falar x-x ]

    ResponderExcluir
  6. Puxa, que triste, Arthur, a mulher ficou falando para você não sujar nada. Eu fico um pouco triste quando o Ludwig fica limpando os pontinhos de farinha que vão formando na mesa, quando estou preparando pasta. ;-;
    Waa, preciso visitar o senhor Roderich um dia desse, e vou aproveitar provar o Sachertorte!
    Pediu pizza? Boa escolha, Arthur!

    ResponderExcluir
  7. [OFF: Euri do "You Can See Russia" no mapa q [3]

    LOL *Rindo muito do mapa q*]

    ResponderExcluir